Câmara debate demandas urgentes de Duque de Caxias

Em 09, fevereiro, 2017
Câmara debate demandas urgentes de Duque de Caxias

Os Vereadores de Duque de Caxias levantaram diversas questões emergenciais na Sessão Plenária desta quinta-feira, dia 9. Segurança, transporte e falta de água são temas que vêm demandando a atenção dos Parlamentares. Além de apresentar propostas, os Edis também cobraram agilidade do Executivo no atendimento às demandas.

Mostrando indignação com o Governo do Estado, o Vereador Carlos de Jesus (PDT) cobrou a retomada da obra da estação de tratamento de água no Morro do Motocross, em Jardim Primavera. “É triste ver o abandono do local e o dinheiro público sendo desperdiçado, pois chegaram a fazer dois reservatórios com capacidade para 10 milhões de metros cúbicos de água que nunca foram utilizados. Estivemos com o Governador Pezão para cobrar a obra, antes da crise do Estado, mas o prometido não foi cumprido. Acho que um bom gestor deve sempre buscar caminhos. Há, inclusive, empresas que se dispõem a fazer parcerias; podemos levar essa sugestão ao Prefeito para concluir esse projeto.”

Segundo o Vereador Chiquinho Grandão (PP), a obra no Morro do Motocross já é uma vitória. “Tive a oportunidade de conversar com o Prefeito Washington Reis e até abril essa obra será inaugurada. A aprovação da Casduc (Central de Águas e Saneamento de Duque de Caxias) por essa Casa vai beneficiar muito nossa Cidade, que vai poder gerenciar os serviços de água e esgoto no âmbito do Município, sem sofrer com a possível privatização da Cedae”, disse, alertando, ainda, para a importância da participação dos Edis no debate sobre a reforma do Plano Diretor.

O Presidente Sandro Lelis (PSL) reforçou a necessidade de discutir o Plano Diretor. “Lembro-me da covardia feita pelo governo passado, que aumentou abusivamente o IPTU nas regiões de Santa Cruz da Serra e da Rodovia Rio-Magé. Já conversei com o Prefeito, que reafirmou seu compromisso de olhar com carinho e respeito para a população e também dar suporte para os empresários, que geram receita e empregos a nossa Cidade.”

Retomando a questão do transporte, levantada na sessão anterior, o Vereador Marcos Tavares (PSDC) informou que já protocolou Requerimento para realizar Audiência Pública visando debater com a população e autoridades competentes sobre licitações, tarifa, climatização e renovação da frota. “Faço apelo para que seja designada uma data com urgência para que possamos começar a convocar a participação de todos”. O Parlamentar aproveitou para apelar ao Prefeito a fim de acelerar o atendimento dos Requerimentos e Indicações feitos para o Jardim Gramacho. “O Poder Público tem uma dívida com o Bairro e a população local.”
O Vereador Nivan Almeida (PRP) ressaltou a importância da Audiência. “A partir dos temas abordados, podemos criar um documento pontual para ajudar o Executivo nos caminhos que precisam ser seguidos para solucionar o problema do transporte público em nossa Cidade.”

Lembrando que a Câmara conta com Parlamentares que são profissionais da Segurança Pública, o Vereador Beto Gabriel (PV) falou sobre o tema. “Passei mais de 29 anos na Polícia Militar, estive em contato com autoridades da área que me confirmaram que a possibilidade de greve – veiculada pelas redes sociais – é apenas boato, a sociedade pode ficar tranquila. Sou defensor da segurança e tenho certeza de que os demais Vereadores que também são policiais podem nos convocar para a luta, se for preciso.”

Policial reformado, o Vereador Gilberto Silva (PPS) afirmou sentir orgulho de ter pertencido à Polícia Militar. “A gloriosa PM tem se esforçado para garantir a sensação de segurança do cidadão. Em Duque de Caxias, a maior preocupação é com a integridade física da população. Essa notícia de que não haverá greve é animadora e nos deixa tranquilos.”

O Vereador Guilherme é a Esperança (PTN) anunciou uma proposta. “Nós, do Conselho de Segurança, estamos junto com a PM. Nossa intenção é levar ao Prefeito a ideia de que a corporação entre com a viatura e a Prefeitura banque a mão de obra, ou seja, os policiais que estariam de folga. Esse é nosso projeto para proporcionar mais segurança para Duque de Caxias.”

Por fim, o Vereador Valdecy (PP) também apresentou uma sugestão para garantir a segurança da população. “A UPP da Mangueirinha conta com 286 policiais e o 15º Batalhão, que atende toda nossa Cidade, tem 756 policiais. Nossa ideia é que o Prefeito leve ao Governador a proposta de que esses homens da UPP contribuam também com o patrulhamento nas ruas de Caxias.”