Secretaria de Urbanismo de Caxias apresenta Plano de Saneamento Básico

Em 23, junho, 2017
Secretaria de Urbanismo de Caxias apresenta Plano de Saneamento Básico

A Câmara Municipal de Duque de Caxias recebeu nesta sexta-feira, dia 23, as secretarias de Urbanismo, Obras e Meio Ambiente para apresentação do Plano Municipal de Saneamento Básico que está sendo elaborado na Cidade para garantir recursos federais que contribuirá com a implementação de projetos em prol da população.

“É preciso apontar ações, mecanismos e projetos para os serviços de abastecimento de água e escoamento de esgoto. Fizemos parcerias para que, em conjunto, pudéssemos terminar o plano no prazo, que é até dezembro, para conseguirmos garantir os recursos da União”, explicou o secretário de Urbanismo, Carlos Mello.

“Estamos fazendo o plano de resíduos sólidos junto com a elaboração do plano de saneamento básico, que são fundamentais para o desenvolvimento da Cidade”, lembrou o secretário de Meio Ambiente, Celso do Alba.

“Duque de Caxias é o único município da Baixada Fluminense que não tem ainda o plano de saneamento aprovado. Se não houver aprovação ainda neste ano, não teremos recursos federais. Nós temos projetos de micro e macro drenagem e estamos nos empenhando. Vale lembrar que a cada real investido em saneamento, quatro reais são economizados na saúde”, disse o secretário de Obras, João Carlos Grillo.

Presidente da Comissão de Desenvolvimento Urbano da Câmara, o vereador Osvaldo Lima (PSC) prometeu empenho para contribuir com a aprovação do plano. “Sou oriundo de comunidade e conheço os problemas pela falta de saneamento básico, ainda falta muito nesse sentindo na nossa Cidade. Hoje vejo o empenho do prefeito para dar uma resposta à população de Caxias e prometo empenho da Comissão e dessa Câmara em contribuir.”

A apresentação do Plano de Saneamento Básico foi realizada pelo engenheiro Isaac Volschan, responsável pela supervisão do trabalho. “O plano é instrumento de planejamento de abastecimento de água, escoamento sanitário, drenagem pluvial e resíduos sólidos. Duque de Caxias está sujeita a quatro bacias hidrográficas, o que precisa ser referenciado no plano de saneamento. Estamos na etapa de diagnósticos, que deve ser concluída até julho, o que engloba mapeamento do cenário existente, estatísticas disponíveis para esclarecer a realidade do Município, entendimento da organização político-administrativa, levantamento da legislação existente e definição de quem será regulador, fiscalizador e prestador do serviço.”